Assembleia define calendário de mobilização dos servidores

Publicada em 04/09/2017 às 14:30
Ésio Melo
  

 

A Assembleia Geral dos servidores do IFAL, realizada na tarde desta segunda-feira (4), aprovou a participação dos servidores do IFAL em duas manifestações neste mês de setembro, o Grito dos/as Excluídos/as e o Dia Nacional de Lutas em defesa dos serviços públicos.

 

A primeira, o Grito dos/as Excluídos/as, ocorre tradicionalmente no Dia da Independência do Brasil, o 7 de setembro, lembrando a exclusão social e a submissão do governo brasileiro aos interesses do capital. O Sintietfal estará presente no ato, que tem início às 9 horas, na Praça Sinimbú, e acontece no trajeto da marcha militar, na praia da Avenida.

 

Já no dia 14 de setembro haverá o Dia Nacional de Lutas, Protestos e Greves em defesa do serviço público, contra a reforma da previdência e pela revogação da reforma trabalhista. Para esta data, a Assembleia aprovou a realização de atividades de mobilização nos câmpus do IFAL.

 

 

“Haverá atividades em todo o Brasil e aqui em Alagoas não pode ser diferente. Nós indicamos que as bases tirem atividades nos câmpus, como palestras, debates, exibilção de vídeos e até atos e mobilizações de rua, onde houver condições. O principal é movimentar todos os câmpus com alguma atividade no dia 14, para que estejamos todos juntos e mobilizados neste dia de lutas”, convocou Hugo Brandão, presidente do Sintietfal.

 

O Dia Nacional de Lutas é uma deliberação do Fórum das Entidades Nacionais dos Servidores Públicos Federais (FONASEFE) e possui adesão também dos Sindicatos e Federações dos Metalúrgicos em todo o Brasil.

 

Delegados

 

A assembleia aprovou também o envio de delegados e observadores para a 151ª Plena do Sinasefe e o 4º Congresso da CSP-Conlutas. Wilson Ceciliano e Hugo Brandão serão delegados à plenária do Sinasefe, que acontece dias 9 e 10 de setembro, em Brasília. Para o Congresso da Conlutas, que será realizado 12 a 15 de outubro, em Sumaré-SP, o Sintietfal enviará três observadores, Hugo Brandão, Mayara Esteves e Elaine Lima.

O conteúdo dos comentários abaixo é de responsabilidade de seus autores e não representa a opinião deste portal.

Curta no Facebook